domingo, 15 de setembro de 2013

Memórias distantes

São as palavras
Completando frases
Um pensamento
Algo distante
Uma figura
Memórias que voltam
Tristeza que fica
Olhando-me nos olhos
Sem remorso
Fria como o fino gelo
Fecho os olhos
Mas não se apaga
Se fortalece
Sorrindo
Tenho o que mereço
Um pouco de tudo
Nada de nada
Nada de nada...

Em directo do fim do mundo
João Santos aka Jon-X

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

O bocadinho mais pequenininho

Sou um bocadinho de todos
Assim como convém
Ora que bate bem
Ora que não vem ninguém.

terça-feira, 21 de maio de 2013

Branco

Na vida tudo se repete
Na vida nada se apaga
Aconchega-me esta noite   
Roupa branca
Roupa lavada.
   

sábado, 25 de agosto de 2012

Luz


...demasiado óbvio, previsível mesmo, escondo-me nos postes de iluminação, a luz penetra a minha sombra desfazendo-a em pedaços de mil cores, a preto e branco, poste após poste, rua abaixo, rua abaixo, rua abaixo...

Em directo do fim do mundo
João Santos aka Jon-X

domingo, 1 de abril de 2012

Amanhã

...mais uma noite que passou ("graças a Deus"?), mal abro os olhos, ainda meio enevoado pelas horas passadas inactivamente, tento perceber o que mudou, como um desejo, não um habito, nada, continua tudo na mesma, rodeado por objectos inanimados, tal como na manhã anterior, e a outra...e a outra, tomo o meu café e fumo meia-dúzia de cigarros, já não pelo prazer dos mesmos, mais um processo auto-destrutivo, com a cabeça preenchida com centenas de pensamentos que se cruzam em cruzamentos e entroncamentos, encruzilhadas da vida, tentando discernir qualquer coisa tento ser mais incisivo, mais conclusivo, mas...what's the point?..não há nada a aproveitar de tudo isto, amanhã recomeçará tudo de novo, em loop, um dia de cada vez, mas sempre igual ao anterior. E eu tenho que ser agradável, educado, empreendedor, como se valesse a pena o esforço, tenho que ir, tenho que fazer, tenho que ser?..mais uma vez...what's the point?..fumo mais um cigarro e apenas e somente aguardo...pelo próximo dia, ou o fim deles.

Em directo do fim do Mundo
João Santos aka Jon-X

sábado, 29 de outubro de 2011

The end is the beginning is the end

Como tudo na vida tem um fim, parece-me que o meu fim vai ficar a meio de qualquer coisa...naquele sitio onde nada começa e nada acaba, onde não se é feliz nem o contrario, onde dormimos numa cama sem fim, onde vivemos sem destino e o nosso maior sofrimento é apenas meia lágrima que nos cai no rosto, onde o amor se fica por meias caricias e beijos incompletos, um sitio onde jamais terminarei uma conversa e nunca me despedirei de alguém...maravilhoso mundo novo!

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Queria escrever…

Queria escrever sobre o mundo.
Mas o mundo não pára.

Queria escrever sobre o sentido da vida.
Mas a vida não faz qualquer sentido.

Queria escrever sobre mim.
Mas mal me conheço.

Queria escrever sobre o fim.
Mas não tenho tempo

Queria escrever sobre o amor.
Mas tenho fraca memória.

Queria escrever sobre política
Mas não gosto de falar de corruptos.

Queria escrever sobre religião.
Mas nessa não me apanham.

Queria escrever sobre a amizade.
Mas dá-me pouco texto.

Queria escrever
Mas jamais O libertarei.

Em directo do fim do mundo
João Santos aka Jon-X